Inicio Mundo

Provas conectam laboratório em Wuhan ao coronavírus, diz o Presidente Donald Trump

Chefe da Casa Branca diz que acessou provas que vinculam laboratório chinês à pandemia. Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, alegou, nesta qu

Apple é acusada de compartilhar dados com o regime da China
China anuncia fechamento gradual de mercados de aves vivas
Provas ligam laboratório na China com origem do coronavírus, diz Estados Unidos

Chefe da Casa Branca diz que acessou provas que vinculam laboratório chinês à pandemia.

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, alegou, nesta quinta-feira (30), ter acessado provas que vinculam o Instituto de Virologia de Wuhan, na China, à pandemia do coronavírus.

Questionado por jornalistas se ele tinha visto algo dando a ele um alto grau de confiança de que laboratório chinês era origem do surto, Trump respondeu:

“Sim, eu vi.”

Após os repórteres pressionarem por mais detalhes, Trump respondeu:

“Não posso lhe contar isso.”

Questionado sobre um possível cancelamento as obrigações da dívida dos EUA com a China em decorrência da origem do coronavírus, Trump disse que “pode-se fazer isso com tarifas”, informa a agência France-Presse.

Pouco se sabe sobre o laboratório de Wuhan, mas o prédio vem sendo objeto de intenso escrutínio nos últimos meses, principalmente após, na quarta-feira (15), o instituto ter sido acusado de não seguir protocolos de segurança rigorosos e deixar a nova variante do coronavírus (SARS-CoV-2) escapar das suas dependências.

O laboratório é o primeiro em território chinês a lidar com patógenos humanos altamente perigosos. Construído para resistir a um terremoto de magnitude 7, o Instituto de Virologia é o orgulho da cidade de Wuhan.

Ele posicionou os holofotes internacionais nas capacidades da China de lidar com vírus arriscados e colocou os pesquisadores do país em um patamar de igualdade com seus colegas norte-americanos e europeus.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0