Inicio Mundo

Nova York prorroga isolamento por coronavírus até 7 de junho

Governador enfatizou que há leitos hospitalares suficientes para atender a um possível aumento dos casos. Andrew Cuomo, governador do Estado de Nova

Trump quer Congresso proibindo aborto no final da gestação
Três chefes da polícia de Nova York são presos em caso de corrupção ligado a prefeito
Rússia acusa os Estados Unidos de organizar ‘golpe de Estado’ na Venezuela

Governador enfatizou que há leitos hospitalares suficientes para atender a um possível aumento dos casos.

Andrew Cuomo, governador do Estado de Nova York, prorrogou as medidas de isolamento social impostas contra a pandemia de coronavírus até 7 de junho.

Cuomo alertou, no entanto, que algumas regiões podem iniciar a reabertura mais cedo, caso atinjam uma série de parâmetros positivos no combate ao Covid-19 .

As medidas adotadas em março por Cuomo já tinham sido estendidas uma outra vez até 15 de maio.

As regiões que desejam retomar a atividade econômica antes do novo prazo devem mostrar que as mortes e hospitalizações relacionadas ao coronavírus estão em declínio.

O governador enfatizou que há leitos hospitalares suficientes para atender a um possível aumento dos casos.

Os condados terão de aumentar os testes e o rastreamento e as empresas precisarão se adaptar para proteger os trabalhadores, destaca o jornal Gazeta do Povo.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0