Marido de oficial do Exército assassinada entra no radar da polícia

Inicio Polícia

Marido de oficial do Exército assassinada entra no radar da polícia

O marido da sargento do Exército, Bruna Carla Borralho Cavalcanti de Araújo, de 27 anos, entrou na mira da polícia do Rio de Janeiro.

Justiça nega novamente pedido lockdown e Manaus
“Ele tem que pagar pela vida da minha filha” diz Mãe da Miss Manicoré
Temer diz que se apresentará ‘voluntariamente’ à Justiça nesta quinta

Três semanas antes do crime, ela registou B.O. contra ele por agressão motivada por ciúmes.

Além disso, o suposto assaltante atirou na vítima mesmo ela colocando as mãos na cabeça e se rendendo. E mais: o marido dirigia o carro e alegou que o veículo aqueceu o motor, parando o carro no local onde o matador apareceu, sozinho, do nada, de capuz.

Outro fato que chamou a atenção foi que os disparos foram dados na cabeça. Ninguém da família foi baleado. Estavam no veículo três sobrinhos de Bruna, o marido e a irmã. O corpo dela foi sepultado nesta terça-feira.

“Que a justiça seja feita e não caia no esquecimento como mais uma vítima ou mais um número pra estatística de uma violência que só aumenta, porque a família não esquece nunca. É um vazio que jamais será preenchido. Tiraram uma filha dos seus pais, uma irmã tão querida que era o nosso elo forte, tiraram uma tia dos seus sobrinhos”, escreveu a irmã nas redes sociais.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0