José Melo e Edilene Oliveira retiram tornozeleiras eletrônicas após autorização da Justiça

Inicio Amazonas

José Melo e Edilene Oliveira retiram tornozeleiras eletrônicas após autorização da Justiça

Juíza permitiu retirada por considerar que ambos são idosos e estão há muito tempo com o monitoramento eletrônico.

Ex-prefeito Dissíca Tomaz é acusado de usar recursos do Governo do Estado para fins eleitoreiros em Eirunepé
Amazonas receberá cota extra de vacinas para frear pandemia
Rocam prende três homens por roubo no Alvorada
< br > < br >

O ex-governador do Amazonas, José Melo, a mulher dele, Edilene Oliveira, retiraram as tornozeleiras eletrônicas, nesta quarta-feira (2), após autorização da Justiça. Eles foram presos na Operação Maus Caminhos, que investiga desvio de verbas da Saúde.

De acordo com a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), as tornozeleiras foram retiradas no Centro de Operações e Controle (COC), e ambos responderão em liberdade provisória.

A decisão judicial que autorizou a retirada foi expedida nesta quarta, pela juíza Patrícia Macêdo de Campos. No documento, ela cita o fatos de os dois serem idosos e estarem “há um longo período de tempo” com o monitoramento eletrônico, e o processo ainda não teve sequer a fase de instrução iniciada.

Além disso, ela considerou o histórico do casal, que “vêm respondendo ao processo e nunca revelaram intenção de evadirem-se ou mesmo de violar o dispositivo eletrônico”.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0