Dermilson Chagas diz que confirmação de ‘pedalada’ revela que Wilson Lima prejudicou todos os servidores públicos estaduais

Inicio AmazonasPolítica

Dermilson Chagas diz que confirmação de ‘pedalada’ revela que Wilson Lima prejudicou todos os servidores públicos estaduais

O parlamentar destacou que o ato praticado pelo governador Wilson Lima foi imoral e indecente com o servidor público

Dermilson Chagas e Wilker Barreto assinam requerimento para incluir em nova CPI a investigação de contratos e despesas do Governo do Amazonas
Deputado Dermilson Chagas exige que governador justifique suas ausências do Estado
Dermilson Chagas diz que sua luta contra a corrupção no Governo do Amazonas continua sem interrupção, independentemente de partido
< br > < br >

O deputado Dermilson Chagas comentou, na última quinta-feira (5/8), que o ato do governador Wilson Lima ter feito uma “pedalada” com os recursos destinados ao pagamento de servidores públicos estaduais, foi imoral e indecente. O comentário do parlamentar foi feito após a divulgação na imprensa de um áudio da secretária executiva de Comunicação do Governo do Amazonas, Cristiane Mota, no qual confirma que Wilson Lima mudou as datas de pagamento para fazer uma “pedalada”.

“O que ele praticou contra o servidor público foi imoral e indecente. Muitos deixaram de pagar as suas contas no dia do vencimento, porque eles já tinham toda uma programação. E agora vem a própria secretária dele dizendo que ele ‘pedalou’, que ele praticou esse ato, machucando o servidor público mais uma vez. Foi um ato de covardia. Infelizmente, nós estamos vendo ações do Governo cada vez mais duvidosas, que comprometem o cidadão de bem. E quem se prejudica com isso é o pobre, é o servidor público, e não ele, que recebe muito bem para gerir o Estado”, afirmou o parlamentar.

Em outubro de 2019, Wilson Lima mudou as datas de pagamento dos funcionários que eram realizadas nos últimos dois dias do mês. Na gestão Wilson Lima, os pagamentos passaram para os 3º e 4º dias úteis do mês seguinte ao mês trabalhado. Segundo matéria divulgada pelo portal Zero Hora do Amazonas, a mudança foi feita para que o Governo do Amazonas pudesse afirmar que “em janeiro de 2020, o valor global do arrecadado no fim de ano de 2019, nos meses de novembro e dezembro, foi superior ao mesmo período do ano de 2018, quando Amazonino Mendes estava como governador”.

Ainda segundo o portal, no áudio, a secretária executiva de Comunicação afirma: “Isso aí é – falando entre nós aqui – mais uma pedalada do Governo, porque a gente não pode ficar explicando muito não e nem precisa do Alex (Del Giglio, secretário da Sefaz). É só dizer que o Governo do Amazonas nega ou repudia qualquer informação que coloque (…), que traga insegurança ao servidor. Em momento nenhum afirmou que não haverá pagamento de salário e, sim, assegurou que não haverá atraso. O próprio governador falou isso. E que não vai haver atraso em 2020 e que não há atraso esse ano e que houve uma alteração na programação de pagamento, atendendo a uma necessidade do governo de ajustar as contas, igual tá lá naquele parágrafo que eu escrevi porque não tem como falar muita coisa, entendeu? Não tem que ficar explicando. Na verdade, é só negar e repudiar e dizer que o governo tranquiliza o servidor”.

Leia a matéria e ouça o áudio acessando este link:

https://zerohoraam.com.br/post/11393/secretaria-de-comunicacao-diz-que-governo-do-amazonas-fez-pedalada-com-salarios-dos-servidores-publicos

FOTO: MÁRCIO GLEYSON / EDIÇÃO DE IMAGENS: LEONARDO MANCINI

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0