Denúncia: Estrutura da Casa de Apoio à Saúde Indígena está sendo usada para fins eleitoreiros em Eirunepé

Inicio Amazonas

Denúncia: Estrutura da Casa de Apoio à Saúde Indígena está sendo usada para fins eleitoreiros em Eirunepé

Mais um escândalo político se alastra em Eirunepé, dessa vez envolvendo servidores públicos utilizando estruturas federais para beneficiar políticos.

Belarmino Lins pede providências da Anatel contra desserviços da Claro em Apuí
Famílias denunciam que pacientes com Covid-19 morreram por falta de respiradores em hospital
Atentados de fevereiro têm autores denunciados pelo MPAM, em Lábrea

Mais um escândalo político se alastra em Eirunepé, dessa vez envolvendo servidores públicos utilizando estruturas federais para beneficiar políticos. De acordo com denúncias feitas por populares, a Casa de Apoio à Saúde Indígena (Casai) de Eirunepé, estaria sendo utilizada para fins eleitoreiros e beneficiando o pré-candidato à prefeitura Dissica Tomaz, que já responde e é alvo de denúncias de diversas irregularidades.

Em fotos divulgadas em aplicativos de conversas, o chefe da Casai do município, Deuzimar Belarmino dos Reis, é visto em reunião com Dissica. Em outro registro, Erison Monteiro de Souza, psicólogo da saúde indígena de Eirunepé é visto em ações, inclusive de lancha, com o vereador Amaurilio Tomaz, que é irmão do pré-candidato, também acompanhado por Deuzimar.

“Apresento a vocês o meu pré-candidato a vereador o meu amigo vereador Amaurilo Tomaz… logo esse trio estará visitando outros amigos em outras comunidades”, disse Erison em uma postagem, deixando clara a ação dos dois membros da Casai em ações eleitoreiras.

Fica evidente que ao invés de articular e garantir apoio às comunidades com acesso à saúde em Eirunepé, Deuzimar está mais preocupado com a eleição de Dissica, desvirtuando o trabalho a ser desenvolvido pelo órgão ligado ao Ministério da Saúde.

 

 

 

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0