David afirma que facilitará a vida dos investidores em Manaus

Inicio Política

David afirma que facilitará a vida dos investidores em Manaus

O candidato a prefeito de Manaus David Almeida (Avante) propôs para a gestão municipal, numa eventual vitória nas eleições deste ano, a instituição de política de desburocratização para facilitar a vida dos investidores da indústria, do comércio e dos serviços. A proposta foi defendida pelo candidato da coligação Avante Manaus, durante almoço nesta terça-feira (27) com empresários representantes dos setores econômicos, na sede da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL-Manaus).

Pontual mostra segundo turno entre Amazonino e David Almeida
Após condenação, Carlos Souza é exonerado do cargo subsecretário de apoio às comunidades
Pesquisa aponta David Almeida confirmado no segundo turno

O candidato a prefeito de Manaus David Almeida (Avante) propôs para a gestão municipal, numa eventual vitória nas eleições deste ano, a instituição de política de desburocratização para facilitar a vida dos investidores da indústria, do comércio e dos serviços. A proposta foi defendida pelo candidato da coligação Avante Manaus, durante almoço nesta terça-feira (27) com empresários representantes dos setores econômicos, na sede da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL-Manaus).

David disse que vai buscar na Prefeitura de Manaus dar a atenção que os investidores precisam para gerar empregos e riqueza para a economia municipal. Além de trabalhar pela criação do comitê de desburocratização, o candidato disse que vai buscar os caminhos para diminuir a carga tributária municipal para os setores, sem com isso prejudicar o orçamento municipal, além de rever leis que hoje impactam negativamente nos investimentos. David lembrou que, quando foi governador interino do Amazonas, em 2017, ele diminuiu impostos.

“O poder público tem que ser o facilitador dos investimentos, criando um ambiente seguro para que o empresário faça os seus investimentos e assim gere os empregos de que a nossa cidade precisa. A Prefeitura precisa estender o tapete àqueles que querem gerar empregos na nossa cidade e garantir a agilidade nos processos de regularização dos empreendimentos”, disse David aos representantes da CDL-Manaus, Abrasel-AM, ACA, Ademi, Cieam, FCDL, Fecomercio, Fieam e Sinduscon-AM.

Sobre uma das principais demandas dos empresários – a burocracia ambiental -, David disse que é necessário vontade política para dar celeridade aos processos legais e liberar os investimentos. “Demorar um ano para liberar uma licença ambiental é muita falta de vontade política para resolver. Na nossa gestão, nós vamos trabalhar por uma política de governança da iniciativa privada para garantirmos o melhor aproveitamento da coisa pública e a agilidade dos processos legais”, disse David aos empresários.

Creche
David lembrou que, dentre os seus principais objetivos como prefeito, haverá a criação de mais de 7 mil novas vagas de creches em Manaus, a partir da compra de vagas em pequenas escolas particulares dos bairros e projetos educacionais das igrejas católicas e evangélicas. O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), Antônio Silva, sugeriu as vagas que estão disponíveis na creche do Sesi Clube do Trabalhador. Segundo ele, há muitas vagas disponíveis por conta da crise econômica criada pela pandemia.

“O Sesi tem hoje a maior creche do Norte/Nordeste do Brasil, sediada na porta de entrada do Polo Industrial de Manaus. Nós temos vagas para a prefeitura comprar, porque ela foi projetada para 4 mil vagas, mas estamos atendendo em torno de 1.200 vagas por conta da pandemia econômica que abateu as nossas empresas e as demissões em massa. Nós tínhamos 130 mil empregos, agora temos 80 mil, e o trabalhador do Distrito Industrial é logo atingido onde? No auxílio creche”, explicou Antônio Silva.

Reconhecimento
O presidente do Fieam lembrou aos colegas empresários que, quando David foi governador interino do Estado, ele colocou o governo junto com o empresariado. “Um grande exemplo disso é o fato de todas as reuniões do Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Codam) terem sido presididas pelo governador David. As reuniões do Codam são a porta de entrada da atração dos investidores para a nossa região. Sempre atendendo ao pleito nosso de que cabe ao Governo do Estado comandar essas ações”, disse.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0