Início / Política / VEREADORA JOANA TIRA APROVEITO DE ACIDENTE QUE MATOU CADELA

VEREADORA JOANA TIRA APROVEITO DE ACIDENTE QUE MATOU CADELA

Durante esses dias, o Vereador Samuel (PHS) e seu motorista foram alvos de sérias críticas em decorrência de um acidente. O motorista do Vereador atropela uma cachorrinha que vivia no pátio da CMM, pelas imagens das câmeras é possível ver que a pickup passa por cima do animal e mesmo assim o animal se levanta e se esconde atrás de outro veículo. É possível que o motorista não tenha visto, é possível que a cachorrinha não tivesse se ferido até por que ela corre em direção de outro veículo. Pois bem, após o episódio apenas um veículo de comunicação crucificou o motorista e o Vereador Samuel, crucificação feita sem defesa e baseada apenas nas declarações da Vereador Joana D’arc (PR). Joana agiu sem coerência, usou esse incidente para se auto promover mais uma vez, o que passou a ser uma constante.

Faltou com coleguismo ao seu companheiro de parlamento, foi covarde ao excluis o comentário maldoso que fez ao seu colega. Não é a primeira vez que Joana age faltando com a verdade e tentando se projetar com situações que envolvem os animais. Essa semana mesmo eu há desmascarei, quando ela diz que é autora do projeto de criação da clínica veterinária. Eu fui o primeiro a fomentar esse projeto nas redes sociais, ele foi base para a campanha do Ex-Vereador Rozenha, que na época apresentou indicativo, mas, por falta de orçamento não foi possível. Joana me acusou de ser aproveitador, disse que iria me processar, estou esperando o processo até hoje. Na postagem do Vereador Rozenha em 2011 a própria Joana parabeniza a iniciativa e diz: ” Seria bom que nós representantes de ONGS pudéssemos participar das discussões, eu represento a ONG PATA” quem é o aproveitador agora?

Se ela, Joana D’arc continuar assim será Vereadora de um mandato só, ela deveria ser a primeira a dizer que o motorista não foi culpado, em vez disso, fez o pobre do rapaz ser chamado de assassino por seu seguidores que precisam voltar pra sala de aula urgentemente. Quero lembrar a nobre Vereadora que esse motorista tem família e se eu fosse ela ia pra tribuna me retratar, que ela defenda os animais, que continue seu lindo trabalho, mas, sem mentir, enganar, forjar, dissimular e se aproveitar desse tipo de situação para bancar a heroína sem ser, isso é mal carátismo e precisa ter fim.

A assessoria do Vereador Samuel enviou nota a imprensa sobre o ocorrido.

O vereador Professor Samuel (PHS) usou a tribuna Adriano Jorge, na manhã desta terça-feira, 18, para esclarecer o acidente ocorrido na tarde de ontem, 17, no estacionamento da Câmara Municipal de Manaus (CMM) envolvendo o motorista dele e uma cadela. Segundo o parlamentar a mídia foi usada de forma maliciosa divulgando que ele e o motorista havia atropelado o cachorro e fugido do lugar sem prestar assistência.

“A vereadora Joana D´arc entrou em contato comigo e eu expliquei o que havia acontecido, mas não sabia que ia ter essa proporção toda. Alguém envolvido com essa luta dos animais deve ter levado até a imprensa, que divulgou de outra forma e gerou comentários tentando me incriminar. Nós temos um número muito grande de cães aqui no estacionamento e fica difícil manobrar os carros. Não é o primeiro caso e pode acontecer outras vezes” explicou o parlamentar.

De acordo com Samuel, é uma situação lamentável. Com muitas leis, projetos e trabalhos para serem decididos, e a câmara, infelizmente, se debateu sobre esse assunto pelo fato de alguém tentar denegrir a imagem dele. “Eu não estava dirigindo e também não causei o acidente. Eu vi nas imagens que tentaram sujar a minha pessoa. Pelo fato de ser o meu carro, colocaram na mídia o número do chassi, placa, filmagem, como se eu fosse fugir. Esclareci que foi o meu motorista e eu estava pronto a responder e conversar sobre o fato”, disse o vereador.

Ainda de acordo com Samuel, como os vereadores são unânimes, ele aguarda que venha ser tomado providências para retirada desses cães que precisam ir para um lugar apropriado. Se ficarem na CMM que seja feito um lugar separado para eles, antes que aconteça outro acidente. “Aqui na Câmara pode existir os protetores, mas eles estão em suas casas e os cães estão jogados aqui. Não se protege os animais deixando eles sem abrigo, pelas ruas, transitando pelos carros, dormindo por todos os cantos sem lugares. Proteger é afastar do perigo. Se aqui fosse lugar de cães nós teríamos veterinários para cuidar deles” argumentou.

Durante discurso, o vereador defendeu a índole do funcionário e motorista dele.

Por Fabrícia Campos

About admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *