‘Não aprovar Previdência condenará nossos filhos e netos’, diz o Ministro Paulo Guedes

Esta quarta-feira (27) foi a primeira vez que Guedes foi até o Congresso conversar com parlamentares desde que assumiu o ministério.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, participou de audiência no Senado nesta quarta-feira (27) para discutir a situação financeira dos estados.

Guedes, no entanto, abriu a sua fala defendendo a reforma da Previdência, que está em tramitação na Câmara dos Deputados.

“Não aprovar a reforma agora é condenar nossos filhos e netos”, disse na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), segundo a VEJA.

Além do pacto federativo e da reforma da previdência, a conversa de Guedes com os senadores também abordou a Lei Kandir, que isenta do pagamento de ICMS as exportações de produtos primários e semielaborados.

Sem Comentários

Deixe um Comentário