• No products in the cart.

Funasa entrega mais uma unidade Salta-z e garante água potável para comunidade de Manacapuru

A Fundação Nacional de Saúde (Funasa) entregou a segunda unidade da Solução Simplificada de Abastecimento de Água por Zeólita (Salta-z) no município de Manacapuru. Desta vez a comunidade Botafogo de Paratarizinho, foi a beneficiada com o equipamento que garante água tradada para população.

Com o novo equipamento, todas as 45 famílias da comunidade serão atendidas com água potável de qualidade, porém o Salta-z pode atender até 100 famílias. De acordo com o superintendente da Funasa no Amazonas, Wenderson Souza, a meta é ter 180 unidades da solução instaladas até o final do ano, dos quais 25 já estão em operação. Ele disse ainda que 43 municípios já formalizaram solicitação para receber a solução.

“A previsão é beneficiar 195 comunidades, atendendo 3374 famílias até o final de 2019. Além disso, o governo do Estado adquiriu e vai implantar mais 400 unidades do projeto, por meio da Seinfra, que fará a instalação de metade e a defesa civil das outras 200, além das unidades a serem atendidas pela Funasa. isso é muito importante, pois a deficiência na oferta de água potável para as comunidades rurais ainda é muito grande e precisa urgentemente ser superada”, afirmou Wenderson.

Para o prefeito de Manacapuru, que participou da entrega e garantiu que a prefeitura atuasse como parceira na implementação do projeto, a parceria é essencial, principalmente para o cuidado com a saúde dos mais jovens. “Está é mais uma comunidade beneficiada com este projeto que temos no município graças à parceria com a Funasa e que está levando água tratada as nossas comunidades rurais, garantindo assim uma melhor qualidade de vida aos comunitários e, principalmente, beneficiando as nossas crianças, que agora terão água de qualidade para o consumo”, disse.

Salta-z – A Solução Simplificada de Abastecimento de Água por Zeólita foi desenvolvida por técnicos da Funasa e o seu principal objetivo é melhorar a qualidade da água local. A tecnologia faz uso de filtros e dosadores de construção e montagens artesanal de fácil operacionalização. O sistema apresenta resultados compatíveis com as exigências da portaria de potabilidade do Ministério da Saúde (MS) e garante o acesso de comunidades em estado de vulnerabilidade a uma água de qualidade.

Sem Comentários

Deixe um Comentário