• No products in the cart.

Chico Preto quer que CMM intervenha para diminuir preço da gasolina

O vereador Chico Preto (PMN) cobrou da presidência da Câmara Municipal de Manaus (CMM) e da Comissão de Defesa do Consumidor da Casa uma ação efetiva contra o alto preço da gasolina cobrado nos postos da capital mesmo após a Petrobras ter anunciado, no mês passado, três diminuições no valor do combustível nas refinarias. Na avaliação do parlamentar, é hora do legislativo municipal ter protagonismo nesta luta, que segundo ele, é de todos os cidadãos manauaras.

“Essa pergunta é de todos e a resposta não nos foi dada com clareza. Pedi do presidente Joelson (Silva) que a Câmara do ponto de vista institucional se manifeste, ingresse em juízo com uma ação. O Procon Manaus já fez isso e a Assembleia Legislativa deve faze-la após o resultado da CPI, mas nós não podemos ficar na posição de aguardar o que os outros fizeram. Eu penso que é papel deste parlamento entender o que está acontecendo e ser solidário a essa constrangimento”, afirmou da tribuna da CMM.

“O parlamento não pode ficar insensível a essa questão. Precisamos usar as comissões da CMM, a Comissão de Defesa do Consumidor para dar voz a essa demanda da população”, completou.

Ainda segundo o vereador, a figura do distribuir de combustível encarece o produto e deve ser repensada pelo Governo Federal.

“A figura do distribuidor precisa ser questionada. O distribuidor é hoje um filtro desnecessário para essa relação, porque ele é o que pega o combustível e revende aos postos, sendo que a refinaria pode fazer isso eliminando essa atravessador. Isso, com certeza, poderia baratear o combustível”, destacou.

Sem Comentários

Deixe um Comentário