Augusto Heleno diz que Sergio Moro age com ‘interesses políticos’

“É um ato impatriótico, quase um atentado à segurança nacional”, diz Heleno sobre defesa de Moro.

O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, comentou, nesta quarta-feira (13), sobre o pedido da defesa do ex-ministro Sérgio Moro para que o vídeo da reunião ministerial do dia 22 de abril seja divulgado na íntegra.

Em mensagem no Twitter, Heleno destacou que a conversa entre ministros tem “assuntos confidenciais” e “secretos”.

O general também acusou o ex-juiz da operação “Lava Jato” de agir com “interesses políticos”:

“Pleitear que seja divulgado, inteiramente, o vídeo de uma Reunião Ministerial, com assuntos confidenciais e até secretos, para atender a interesses políticos, é um ato impatriótico, quase um atentado à segurança nacional.”

Mais cedo, em conversa com a imprensa, o presidente da República, Jair Bolsonaro, deixou claro que não via problemas na divulgação do vídeo, desde que seja apenas o trecho da interação com Moro.

“Por mim, eu divulgo. Se eu não me engano, o Celso de Mello ontem oficiou aí o advogado do Moro, a AGU e a Justiça exatamente para ver se a gente entra nessa linha para divulgar, mesmo com os palavrões que eu falo sempre”, disse Bolsonaro.

Sem Comentários

Deixe um Comentário